Nômades Digitais: um movimento ascendente

O nomadismo digital já era uma tendência antes da pandemia, mas se intensificou com a aceleração da digitalização.

Nômade digital é um termo que já era falado há algum tempo. Basta uma simples busca pela internet que você vai achar algumas dezenas de reportagens mostrando, desde antes da pandemia, dicas e profissões onde era possível aplicar essa nova maneira de viver. O que nos permite dizer que esse é um movimento que vinha se desenhando mesmo antes daquele março de 2020 onde tudo parou e ressignificamos a maneira como trabalhamos.

Mas essa é hoje uma realidade bem consolidada e ascendente. Uma pesquisa realizada pela MBO Partners, só nos Estados Unidos, o número de nômades digitais cresceu de 7,3 milhões em 2019 para 10,9 milhões em 2020 – o que significa um aumento de cerca de 49%. Segundo o relatório Global de Tendências Migratórias 2022 da Fragomen, é estimado que até 2035 existam cerca de 1 bilhão de nômades digitais.

O desenvolvimento de novas tecnologias e a decisão de muitas empresas em seguir com o trabalho remoto facilitou o crescimento do nomadismo digital. Nômade digital, por definição, é um profissional que trabalha online e que seu trabalho o permite que essa pessoa possa executá-lo de qualquer lugar do mundo, eliminando, até mesmo, a necessidade de uma residência fixa. Importante lembrar que nem todos que trabalham de forma remota são automaticamente nômades digitais.

Mas nem tudo são flores nessa escolha de vida. O nômade digital está longe de estar em um período de férias prolongado: é preciso ter uma ótima gestão de tempo e inteligência emocional – afinal não importa se é beira-mar ou dentro de quatro paredes de um escritório – a produtividade não pode estar em jogo. Além disso, é preciso assegurar que o seu trabalho não vai precisar que você faça pontuais visitas ou participações presenciais em reuniões com sua equipe ou clientes.

Se o nomadismo digital for sua decisão, no entanto, é preciso ter muita organização e foco, é preciso entender se o seu perfil se encaixa nessa rotina. Abaixo, listamos alguns passos que podem te ajudar nessa tomada de decisão:

  • Organize-se financeiramente
  • Pesquisa sobre a estrutura do(s) local(is) que você vai se hospedar
  • Estabeleça uma rotina de trabalho
  • Faça um alinhamento com o seu time para estipular o cotidiano

E aí, conseguiria encarar essa?

Agora, se você tem uma equipe que conta com colaboradores nômades digitais, nós da Evope podemos te ajudar! Nossa ferramenta proporciona um acompanhamento da produtividade do seu time de forma eficaz, não importa onde estejam. Acesse nosso site www.evope.com.br e fale com um de nossos especialistas para saber melhor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

A  cresceu. Agora somos a , focados na evolução de pessoas e integração de times.